SORRISOS de criança

Um espaço dedicado ao interesse dos pais, encarregados de educação, educadores de infância, professores e crianças
 
InícioPortalGaleriaBuscarRegistrar-seConectar-se
Últimos assuntos
» Os Octonautas (completa) PT-PT
Dez actos para eliminar a Violência Escolar Icon_minitimeTer 23 Out 2018, 17:20 por Bagresapo

» Luísa Amaro - Argvs (2014)
Dez actos para eliminar a Violência Escolar Icon_minitimeSeg 08 Out 2018, 19:02 por fgost

» filmesonlinegratis
Dez actos para eliminar a Violência Escolar Icon_minitimeSex 28 Set 2018, 23:44 por 

» Morangos Com Acucar filme PT-PT
Dez actos para eliminar a Violência Escolar Icon_minitimeSex 28 Set 2018, 23:42 por 

» Zorro-A.Lenda.De.Zorro-Vol.1. A.Vol.3.PT.PT
Dez actos para eliminar a Violência Escolar Icon_minitimeSex 28 Set 2018, 23:28 por 

» Aprender.Inglês.Com.o.Noddy-Serie.Completa. PT.PT
Dez actos para eliminar a Violência Escolar Icon_minitimeSab 28 Abr 2018, 19:54 por dogwhite

» Disney.Magic.English.Serie.Completa PT-PT
Dez actos para eliminar a Violência Escolar Icon_minitimeSab 28 Abr 2018, 19:46 por dogwhite

» As.Aventuras.De.Tom.Sawyer-Serie.Completa. PT.PT
Dez actos para eliminar a Violência Escolar Icon_minitimeTer 24 Abr 2018, 18:16 por joao115rot

»  Fatal Fury: O Filme PT-PT
Dez actos para eliminar a Violência Escolar Icon_minitimeQui 07 Set 2017, 10:10 por bombjack

» Paprika
Dez actos para eliminar a Violência Escolar Icon_minitimeQui 07 Set 2017, 10:10 por bombjack

» Little Witch Academia
Dez actos para eliminar a Violência Escolar Icon_minitimeQui 07 Set 2017, 10:03 por bombjack

» Franky Snow serie completa PT-PT
Dez actos para eliminar a Violência Escolar Icon_minitimeSeg 14 Ago 2017, 08:35 por bombjack

» Batman: Valentes e Audazes PT-PT
Dez actos para eliminar a Violência Escolar Icon_minitimeSeg 14 Ago 2017, 08:35 por bombjack

» Huntik – 1ª e 2ª temporada PT-PT
Dez actos para eliminar a Violência Escolar Icon_minitimeSeg 14 Ago 2017, 08:33 por bombjack

» Em.Busca.Do.Vale.Encanto.Série-1.Completa. PT.PT
Dez actos para eliminar a Violência Escolar Icon_minitimeTer 08 Nov 2016, 22:47 por pedrocool120

Quantos nos visitam

Regista-te neste fórum
Faz o teu registo para teres acesso a tudo... é muito fácil e poderás aceder a todo o conteúdo deste fórum
Social bookmarking
Social bookmarking digg  Social bookmarking delicious  Social bookmarking reddit  Social bookmarking stumbleupon  Social bookmarking slashdot  Social bookmarking yahoo  Social bookmarking google  Social bookmarking blogmarks  Social bookmarking live      

Conservar e compartilhar o endereço de SORRISOS de criança em seu site de social bookmarking
QUEM NOS VISITA


Novembro 2019
SegTerQuaQuiSexSabDom
    123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930 
CalendárioCalendário

Compartilhe
 

 Dez actos para eliminar a Violência Escolar

Ir em baixo 
AutorMensagem
Elsa
Fundadora
Fundadora
Elsa

Feminino Mensagens : 4941
Pontos : 9601
Data de inscrição : 27/09/2013

Dez actos para eliminar a Violência Escolar Empty
MensagemAssunto: Dez actos para eliminar a Violência Escolar   Dez actos para eliminar a Violência Escolar Icon_minitimeQui 03 Out 2013, 12:16

Dez actos para eliminar a Violência Escolar


A mais recente investigação mostra que mais de metade de todas as crianças são, pelo menos em algumas ocasiões, directamente envolvidas em actos de "bullying" como agressor, vítima, ou ambos. E muitos dos que não estão directamente envolvidos testemunham-nos regularmente. Nenhuma criança está imune - as crianças de todas as raças, sexo, ou classe sócio-económica são impactadas. Mas não tem que ser desta maneira. Como pais, temos o poder para ajudar a reduzir o assédio moral.




Aqui estão as DEZ ACÇÕES PARA OS PAIS PREVENIREM O "BULLYING" que você pode tomar para ajudar a lidar com o assédio moral.


1. Falar e ouvir os seus filhos - todos os dias.


A pesquisa mostra que os pais muitas vezes são os últimos a saber quando seu filho é ameaçado ou intimidado. Você pode encorajar seus filhos a resistir a essa tendência ao participar em conversas frequentes sobre suas vidas sociais. Dedique alguns minutos todos os dias fazendo perguntas abertas sobre como eles passam o tempo na escola e no bairro, o que fazem, entre aulas e no recreio, quem almoça com eles, ou o que acontece no caminho para a escola. Se os seus filhos se sentem à vontade para falar com você sobre seus pares antes de serem envolvidos em um evento de "bullying" é mais provável que depois de serem envolvidos lhe contem o que aconteceu.


2. Passe tempo na escola e recreio.


A pesquisa mostra que 67% do assédio moral acontece quando os adultos não estão presentes. As escolas não dispõem de recursos para fazer tudo e precisam de ajuda dos pais na redução do "bullying". Se você pode oferecer-se uma vez por semana ou uma vez por mês, você pode fazer uma diferença real apenas por estar presente e ajudando a organizar jogos e actividades que incentivam as crianças a brincar com novos amigos. Coordene o seu tempo de voluntário com o professor do seu filho.


3. Seja um bom exemplo de bondade e liderança.


Seus filhos aprendem muito sobre as relações de poder ao ver você. Quando você ficar com raiva, por exemplo, com outro condutor na estrada, ou mesmo com o seu filho, você tem uma grande oportunidade de ser um bom modelo ao utilizar técnicas de comunicação eficazes.


4. Aprender os sinais.


A maioria das crianças não conta a ninguém (principalmente adultos) que têm sido intimidadas. Por isso, é importante que os pais e professores aprendam a reconhecer os sinais de possíveis vítimas, como a perda frequente de pertences pessoais, queixas de dores de cabeça ou de estômago, afastamento do recreio escolar ou actividades, chegar à escola muito tarde ou muito cedo. Se você suspeitar que uma criança pode ter sido intimidada, fale com o professor da criança ou encontre maneiras de observar as interacções com seus pares para determinar se suas suspeitas podem estar correctas. Fale directamente com seu filho sobre a situação.


5. Criar hábitos anti-bullying cedo.


Ajude a desenvolver hábitos anti-bulliyng desde o jardim de infância. Ensine aos seus filhos que não devem - bater, empurrar, ou provocar "dizendo na-na-na-na-na", sendo cruel com os outros. Ajude o seu filho a concentrar-se sobre a forma como tais acções podem fazer sentir a outra criança. Igualmente, se não mais importante, ensine seus filhos o que fazer - a bondade, a empatia, o "fair play," e tomada de turno são competências fundamentais para as relações entre colegas. As crianças também precisam aprender a dizer "não" com firmeza, e como evitar a dizer não aos outros.


6. Ajudar o seu filho a lidar com o bullying escolar.


O que funciona melhor são os programas educativos, que ajudam a criar um clima social saudável na escola. Se a sua escola não tem estratégias eficazes e políticas em vigor, converse com o director e defenda a mudança.


7. Estabelecer regras domésticas sobre assédio moral.


Seus filhos precisam de ouvir de você explicitamente que não é normal, ou tolerável para eles intimidar ou apenas assistir outros miúdos serem intimidados. Certifique-se que eles sabem que se forem intimidados fisicamente, verbalmente, ou socialmente (na escola, por um irmão, no seu bairro, ou em linha) é seguro e importante para eles falar sobre isso e que vão ser ajudados Eles também precisam de saber o que é assédio moral, e que tal comportamento é nocivo para as outras pessoas e não é aceitável.




8. Ensine o seu filho a ser uma boa testemunha.




A pesquisa mostra que as crianças que são testemunhas de "bullying" se sentem impotentes e raramente intervêm. No entanto, as crianças podem denunciar aos pais e professores aquilo que viram e ouviram.




9. Ensine o seu filho sobre o "cyberbullying".




As crianças muitas vezes não percebem o que é "cyberbullying". "Cyberbullying" inclui o envio de mensagens ameaçadoras. Estes actos são tão prejudiciais quanto a violência física e não devem ser toleradas. Nós sabemos da pesquisa que, quanto mais tempo um adolescente permanece on-line, o mais provável é que eles sofram "cyberbullying" - limite, assim, o

tempo"online".


10. Espalhe a palavra que o assédio moral não deve ser uma parte normal da infância.
Alguns adultos hesitam em agir quando observam ou tomam conhecimento do assédio moral porque pensam que o assédio moral é uma fase típica da infância, que deve ser suportado ou que ajuda as crianças a "endurecer". É importante para todos os adultos entender que o "bullying" não tem que ser uma parte normal da infância. Todas as formas de "bullying" são prejudiciais para o agressor, para a vítima e para as testemunhas e os efeitos duram durante muitos anos (e que podem incluir depressão, ansiedade, abuso de drogas, violência familiar e comportamento criminal).
Os esforços para tratar eficazmente o assédio moral exigem a colaboração da escola e comunidade. A educação contra a violência escolar começa em casa.
Encaminhe esta lista que você leu para todos os pais, professores, administradores, conselheiros, que você conhece. "Bullying" é um problema enorme, mas se trabalharmos todos juntos, podemos ter impacto.


texto traduzido do inglês "Ten Actions ALL Parents Can Take to Help Eliminate Bullying"
Voltar ao Topo Ir em baixo
https://sorrisos.forumeiros.com
 
Dez actos para eliminar a Violência Escolar
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
SORRISOS de criança :: ✮☆✮ Ajuda Pedagógica ✮☆✮ :: Bullying-
Ir para: